Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

The Cherry

04
Mai18

E se a minha filha gostar mais de outra pessoa do que de mim?

Aqui a dias estive na loja e apareceu uma cliente. Foi perguntar o nosso horário de fim de semana porque queria lá levar a irmã e a sobrinha pequenina.
Conversa puxa conversa e acabamos a falar das Leonores (a sobrinha também se chama Leonor).

 

- A minha sobrinha tem 3 anos mas é tão esperta! Tem conversas que ficas a olhar para ela! Quando ela vai lá para casa é uma delícia. A minha irmã é que fica toda ciumenta porque depois a Leonor queixa-se que a tia é que brinca com ela e a mãe não...

 

No sábado, por coincidência, elas apareceram quando eu cheguei a loja para ir buscar o M.

 

- Olá Susana. Estas é que são a minha irmã e a minha sobrinha Leonor. - disse a cliente quando entrou na loja com a sobrinha ao colo.
- Olá Leonor, estás boa? - respondi eu.
- Ela está cheia de sono, vinha a dormir no carro. Agora é que a tia a acordou para virmos aqui ver coisas bonitas para a mãe...
- Queres ajudar a mãe a escolher coisas bonitas, queres? - dizia eu para a menina enquanto ela escondia a cara com vergonha.
- Olha, Leonor, vais para o chão? Ajudar a mãe a escolher roupinhas...? - dizia a cliente para a menina enquanto esta se agarrava ainda mais a ela e abanava a cabeça a dizer que não.
- Olha, querida, não queres ajudar a mãe? Larga a tia feia! - disse eu sem noção que estava a entrar num "campo minado" 
- A tia não é feia!! - disse a menina visivelmente aborrecida com o comentário, enquanto abraçava a tia.
- Oh, não vale a pena dizer isso senão ela chateia-se consigo. - disse-me a mãe - ela gosta mais da tia do que de mim.

 

Eu olhei para a mãe e depois para a cliente que mantinha a menina ao colo. Achava aquilo um bocadinho estranho - afinal como é que a nossa própria filha pode gostar mais de outra pessoa do que de nós?!  - mas com o passar do tempo que as três estiveram na loja fui percebendo que se calhar não era assim tão absurdo o que a mãe estava a dizer...

 

Não cheguei a perceber se isso se devia a tia ou a mãe mas o que é certo é que a menina chamava a tia para tudo e mal olhava para a mãe 

 

A dada altura a menina descalçou-se e a mãe disse-lhe para se calçar senão constipava-se. Ela ignorou. A tia disse o mesmo. Ela olhou para a tia depois olhou para os ténis mas preferiu continuar descalça. Até que a mãe lhe diz:
- Calça-te lá. Para ficares igual a mãe. Já viste que a mãe trouxe uns ténis iguais aos teus?
- Não te ficam bem! - diz a menina.

 

Neste momento fiquei completamente em choque! 


A mãe olhou para a filha mas absteve-se de comentários. A tia repreendeu-a chamando apenas pelo nome. E eu? Eu fiquei a olhar para este cenário e a pensar que poderá acontecer o mesmo comigo... 

 

E se a herdeira gostar mais de outra pessoa do que de mim?
Afinal eu estou aqui para mima-la mas principalmente para guia-la e educa-la. E, bem sabemos, que isso implica muitas vezes dizer que não e ser "a má da fita"... 

 


Nota mental: Deixar de ir a loja durante uns tempos para não ficar com macaquinhos na cabeça 

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Mensagens

4 comentários

Comentar post

Sigam-me

Mais sobre mim

Calendário

Maio 2018

D S T Q Q S S
12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
2728293031
Quando tudo começou
- 08/05/2017 -

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D

Segue a Tendência

no Facebook

no Instagram